Hoje temos a oportunidade de conhecer mais sobre um dos fundadores da WSI, Mark Dobson. Esta é uma entrevista interessantíssima em que Mark compartilha sua motivação e energia para ajudar na criação da maior rede de consultores de marketing digital do mundo.

Vamos aprender mais sobre como Mark liderou nossa organização nos últimos 20 anos.

Mark Dobson

Como você descreveria a si mesmo?

Positivo, empreendedor, energético. Focado em como fazer as coisas funcionarem versus por que elas não funcionam.

Como você era no colegial?

Na maioria das vezes eu estava entediado na escola. Eu gostava de certas aulas em que podia tirar algum valor. Os professores sempre disseram que eu tinha um grande potencial, mas que parecia desinteressado. Durante o ensino médio, concentrei-me mais no trabalho e ganhei dinheiro. Eu pedia carona para um trabalho em um resort de esqui onde tínhamos um chalé (120 milhas de distância) para que eu pudesse estar lá para o trabalho na sexta-feira e muitas vezes ficava para trabalhar no domingo e pegar carona de volta. Nas vezes em que não podia pedir carona, pegava carona com meus pais. A posição que eu tinha me permitia ganhar tanto quanto eu queria, desde que eu colocasse o esforço. Então eu era empreendedora desde o começo.

Há quanto tempo você está na WSI?

Desde a sua criação pois eu era um dos co-fundadores.

O que você fez antes da vida na WSI?

Meus parceiros e eu começamos outras empresas, uma das quais era uma empresa de treinamento. Tivemos mais de 230 treinadores com clientes como Ford, Pepsi, McDonnell Douglas, Xerox, Monsanto, para citar apenas alguns. Antes dessas empresas que fundamos, passei quase 20 anos como membro da equipe de gestão que desenvolveu um dos principais resorts do Canadá (Deerhurst Inn em Muskoka, Ontário). Eu também tinha um negócio de fotografia para casamentos e fotografias enquanto trabalhava em Deerhurst, além de ter uma corretora de artes onde comprava e vendia arte para indivíduos e galerias de arte.

Por que você se juntou à WSI?

Foi uma idéia e uma visão que tivemos em 1992, que com a WSI, poderíamos recriar o mundo dos negócios – só que desta vez no ciberespaço e não o mundo que viviamos, onde os negócios ocorriam em  prédios de tijolo e argamassa.

Como foi a sua jornada para chegar onde você está hoje?

Emocionante, desafiadora e gratificante. Com a WSI, criamos algo que nunca havia sido feito antes em uma indústria que nunca existiu antes. A emoção dessa criação me faz chegar no escritório às 7:30 todas as manhãs por mais de 23 anos. Tem sido gratificante poder impactar tantas pessoas em todo o mundo, dando a elas a oportunidade de viver seus próprios sonhos e ter seu próprio negócio. Ao mesmo tempo, também tem sido recompensador observar nossa equipe crescer e prosperar ao longo desses anos. Quando olho para a nossa equipe, tenho orgulho de que muitos dos funcionários estão conosco de 14 a 24 anos.

Olhando para os 20 anos com a WSI, quais são alguns dos destaques que você mais lembra e por quê?

A oportunidade de conhecer o mundo. Antigamente, antes que pudéssemos realmente usar a internet para explicar a WSI às pessoas, viajávamos. Lembro de comprarmos uma passagem de avião da British Airways chamada ‘Global Explorer’ e, enquanto estivéssemos viajando para o leste, poderíamos parar quantas vezes quiséssemos sem custo adicional. Dessa forma, acabamos viajando pelo mundo por semanas a fio, profetizando sobre essa coisa chamada internet e começando a estabelecer as bases para construir a nossa empresa.

Conforme a internet foi crescendo, fomos capazes de comercializar nosso negócio on-line. Esta foi uma grande mudança, pois significava que podíamos cortar nossas azas e trabalhar no escritório.

O desenvolvimento do eMarketplace e da nossa cadeia de suprimentos, que é um componente muito importante dos nossos negócios para os nossos franqueados, também foi um diferencial. Em última análise, os relacionamentos que conseguimos cultivar com os líderes do setor tornaram a vida dos nossos franqueados muito mais fácil e bem-sucedida.

Nos alinhamos com os gostos da Microsoft, Google, Adobe e tantos outros que passaram a enxergar o valor do que construímos.

Nossas convenções globais e a qualidade dos palestrantes e da educação que oferecemos aos nossos franqueados.

As fortes amizades que desenvolvemos ao longo dos anos com nossos franqueados.

A diversão que tivemos com nossa equipe, em eventos no escritório, boliche, rafting, etc., ao longo dos anos.

Jim Amos

Ter pessoas como Jim Amos no nosso Conselho de Administração. Jim é presidente da Associação Internacional de Franquias, CEO da Mail Boxes Etc. e participa de conselhos de empresas como a Proctor and Gamble, mas está no Conselho da WSI há mais de uma década. Aprender com alguém como ele tem sido inestimável.

Qual foi sua maior conquista na WSI?

Construir e sustentar uma empresa global que nunca teve de pedir dinheiro emprestado e sempre esteve no azul desde o primeiro dia.

Diga-me como você se defrontou com as mudanças enquanto na WSI?

Abraçei as mudanças, pois na nossa indústria não temos escolha. Se você não ficar inspirado com as mudanças, então você está no negócio errado!

Descreva sua semana típica de trabalho.

Falando com potenciais franqueados, reunindo-me com a gerência e definindo e executando nossos objetivos.

Qual a sua citação favorita?

O primeiro que vem à mente é: “Bom, melhor, melhor – nunca descanse até que o bom esteja melhor e o melhor seja o melhor”. O segundo é o quinto hábito de Covey – “Procure primeiro entender, depois se faça ser entendido”.

Você tem alguma habilidade ou talento que a maioria das pessoas não conhece?

Eu sou relativamente bom na maioria dos esportes, embora a maioria das pessoas não o perceba, por estar um pouco acima do peso ideal! Mas ainda posso descer um morro esquiando, correr em volta de uma quadra de tênis, dar uma tacada de golfe e escalar uma montanha.

Que tipo de férias você gosta de usufruir?

Dependendo da época do ano, eu vou para a praia ou para a montanha andar de esqui. Eu também gosto de viajar para onde há história para aprender.

O que você gosta de fazer no seu tempo livre?

Passar tempo com a minha família, seja uma caminhada com minha esposa ou dedicar tempo aos seus familiares. Gosto de ler biografias ou autobiografias, relaxar com amigos e familiares. À medida que envelheço, estou tentando relaxar mais e me acostumar com um ritmo mais calmo. Algum dia, eu posso me aposentar e ter que aprender a não estar no escritório às 7h30 da manhã – mas isso é algo que eu ainda estou aprendendo!

Você poderia nos contar sobre um dia comum em sua vida?

Às 5:30 da manhã, deixo minha esposa na estação de trem e chego ao escritório entre 7:00 e 7:30 da manhã. Fico em dia com os meus e-mails da noite anterior, depois vou para a academia no nosso prédio por uma hora a uma hora e meia e depois de volta ao escritório para reuniões e telefonemas com potenciais franqueados.

Quais são as melhores habilidades que você traz para a WSI?

Capacidade de saber ler as pessoas e ajudar as pessoas a tomar decisões por si mesmas e não eu lhes dizendo o que devem fazer.

Como alguém chamaria sua atenção especial?

Solicite o que deseja. Lidere com exemplo, humildade, venha a mim com um desafio, mas traga também a solução para discussão. Supere as expectativas.

Você já leu algum bom livro ultimamente?

Recentemente, muitas biografias: Steve Jobs, John F. Kennedy, vários outros. “Traction: Mantenha Controle do seu Negócio”,  por Gino Wickman é sempre um livro bom para reler, como também o “Bom é Grande: por que algumas empresas dão aquele salto” … e “Outros Não”, ambos por Jim Collins. Um par de livros antigos mas famosos incluem “Os 7 hábitos de pessoas altamente eficazes” por Stephen Coveygreat e “The Art of War”,  por Sun Tzu, e a lista continua e continua.

Em uma escala de um a dez, quão esquisito você se considera?

Dependendo da situação, eu poderia ser uma nota 8 a 10. Eu não tenho dificuldade em agir de forma estranha em público só para ver como as pessoas reagem! Em uma situação de negócios, onde estou representando a empresa, talvez um 3.

Como você se descreveria em uma palavra?

Isso mudou ao longo dos anos. Uma vez, eu teria dito “dirigido”, mas hoje, aos 65 anos, tenho um pouco menos impulso e talvez a palavra seja “cuidando”.

Quais metas você tem para si mesmo que deseja realizar no próximo ano?

Voltar à ficar em forma, abaixo dos 200 lb. Estou chegando perto, mas sempre há um motivo para sair desse caminho. A vida tem que ser divertida também mas às vezes as coisas que você tem que fazer para atingir um objetivo podem não ser tão divertidas. A conclusão é que, se o objetivo não for importante bastante para você querer pagar o preço, não seria um objetivo verdadeiro.

Onde você se vê daqui a 5 anos?

Semi-aposentado, talvez participe de alguns conselhos de empresas onde posso compartilhar meus conhecimentos. Seria, estar livre dos plantões diários, mas mantendo minha atenção em um par de coisas para me manter alerta e desafiador.

O que você espera alcançar na sua próxima posição?

Tempo, liberdade, falta de responsabilidade e capacidade de trabalhar se e quando eu quiser. Isso provavelmente não será em uma posição de destaque, com uma grande responsabilidade, já que minha esposa estará se aposentando e estou ansioso para passarmos mais tempo juntos.

Como a tecnologia mudou sua maneira de trabalhar?

Isso me tornou mais eficiente, mais conectado e capaz de trabalhar em um ritmo muito mais rápido. Eu tenho acesso ao conhecimento de qualquer coisa instantaneamente. A tecnologia obviamente moldou todo o nosso modelo de negócios, o que focamos e o que ensinamos.

Qual seria o seu lema pessoal?

“Se o seu PORQUÊ for grande o suficiente, o COMO virá.”

Se você trabalhou em um restaurante, qual o papel que você quer?

Maitre D ‘ ou bartender – eu fiz os dois no passado e gostei deles.

Se fôssemos ao happy hour, o que você pediria?

Um gim martini Safira, com gelo e azeitonas ou um scotch, com gelo.

Se, neste exato minuto, você pudesse estar em qualquer outro lugar que não aqui falando comigo, onde você estaria?

Na reunião para a qual estou atrasado! Se não for isso, então no nosso iate com minha esposa e famíliares no Mediterrâneo. Provavelmente no porto da Vila Olímpica em Barcelona, ​​ao lado do Arts Hotel. Ou as ilhas gregas!


Para mais informações sobre as oportunidades como Franquiado da WSI, entre em contato conosco pelo email: administrativo@franquiawsi.com.br

 

Traduzido por Caio Cunha

  linkedin.pngfacebook-1.pngtwitter.png email: caio@wsiconsultoria.com

Tradução do blog original em https://www.wsifranchise.com/blog/introducing-mark-dobson

 

 

A WSI foi fundada em 1995, quando começou a operar seu sistema de marketing digital de sucesso, estruturado como franquias para profissionais de negócios em todo o mundo. Reconhecida como uma fornecedora global de soluções de marketing digital, desenvolveu importantes parcerias estratégicas, que, por sua vez, ampliaram e fortaleceram a sua rede de soluções digitais. Para mais informações sobre as oportunidades como Franquiado da WSI, entre em contato conosco pelo email: administrativo@franquiawsi.com.br

Website: http://www.franquiawsi.com.br

Email: administrativo@franquiawsi.com.br

 

Saiba mais sobre a WSI

Nome Completo

E-mail

O que descreve melhor você?

Telefone

Cidade

Estado

Hootsuite-Solution    SEMPO-Member   Google-partner   Yahoo-bling    Hubspot    Constant-contact   Microsoft-partner